quinta-feira, 21 de abril de 2016

“Philippe Gilbert não vai participar na Liège-Bastogne-Liège”

Foto: EPA/CLAUDIO PERI

Glibert ficou longe das primeiras posições nas duas primeiras clássicas do tríptico das Ardenas, a Amstel Gold Race (81.º) e a Flèche wallonne (91.º).
O ciclista belga Philippe Gilbert (BMC) anunciou hoje que não vai participar na Liège-Bastogne-Liège, ‘clássica’ que venceu em 2011 e que se disputa no domingo.
Glibert, que fraturou um dedo da mão esquerda numa altercação com um automobilista embriagado, ficou longe das primeiras posições nas duas primeiras clássicas do tríptico das Ardenas, a Amstel Gold Race (81.º) e a Flèche wallonne (91.º).
“Não posso defender a 100 por cento as minhas possibilidades, nem ajudar a equipa. Tenho de ser realista e procurar recuperar para estar em forma no Giro”, reconheceu o corredor de Liège.
‘Classicómano’ de excelência, o campeão do mundo de 2012 quer estar na partida da Volta a Itália, que arranca a 06 de maio, em Apeldoorn.
Também hoje a Sky informou que Chris Froome, vencedor do Tour2015, vai liderar a equipa britânica na ‘clássica’ de domingo.
O duplo vencedor da Volta a França nunca fez melhor do que o 36.º posto em oito participações na ‘La Doyenne’, considerada um dos cinco ‘Monumentos’ do ciclismo.
Fonte: SAPO Desporto c/Lusa

“Edgar Pinto sobe à 18.ª posição no Giro de Trentino”

Foto: NUNO VEIGA

Landa lidera com oito segundos de vantagem sobre Kangert, com Jakob Fuglsang a ser terceiro, a dez.
O ciclista português Edgar Pinto (Skydive Dubai) entrou hoje no ‘top 20’ do Giro de Trentino, após a terceira etapa, ganha pelo estónio Tanel Kangert (Astana).
Kangert atacou no quilómetro final dos 204,6 quilómetros entre Sillian (Suíça) e Mezzolombardo (Itália) e chegou isolado à meta, cumprindo a etapa em 05:05.27 horas.
Em segundo ficou o polaco Patrick Konrad (Bora-Argon 18), ao encabeçar um grupo de nove ciclistas, no qual seguia o líder Mikel Landa, que cortou a meta a dez segundos do vencedor.
O espanhol da Sky continua vestido de roxo, depois de conseguir anular todos os ataques dos seus opositores, distanciando, inclusive, Vincenzo Nibali (Astana), agora 21.º a 02.45 minutos.
Landa lidera com oito segundos de vantagem sobre Kangert, com Jakob Fuglsang a ser terceiro, a dez.
Edgar Pinto, que foi 15.º, a 52 segundos de Kangert, subiu à 18.ª posição da classificação geral, estando a 02.15 minutos de Landa, enquanto José Mendes (Bora-Argon18) é 119.º, depois de ter concluído a etapa em 90.º, a 19.31 minutos do vencedor.
Na sexta-feira, a quarta e última etapa do Giro de Trentino vai ligar as localidades italianas de Malè e Cles, na distância de 160,9 quilómetros.
Fonte: SAPO Desporto c/Lusa  

“Giro del Trentino: Combatividade para José Mendes/Português andou na fuga do dia”

Foto: DR Record

José Mendes (BORA Argon 18) foi quase último na 2ª etapa do Giro del Trentino, cortando a meta em 139º (7.39 m). Mas há uma explicação para este resultado de um dos dez portugueses pré-convocados para os Jogos Olímpicos do Ri0’2016. "Andei na fuga", explicou ao nosso jornal. Uma fuga que lhe valeu no final a combatividade e subida ao pódio para vestir a camisola...amarela, cor que simboliza este prémio. Na geral, Mendes ocupa o 133º posto, com Edgar Pinto em 33º (a 1.33m). O ciclista da Skydive foi 33º na etapa, a 52s do vencedor, Mikel Landa (Sky). O espanhol, tal como fez o compatriota Alejandro Valverde na Flèche Wallonne, mostra garras a semanas do Giro, vencendo a etapa (final de 2ª categoria) e apoderando-se da liderança (camisola cor de vinho).

Quem também prepara a Volta a Itália no Giro del Trentino é Vincenzo Nibali (Astana), sendo décimo da geral, a 38s.

Fonte: Record on-line

“Volta à Bairrada é novo objectivo/EFAPEL preparada para lutar pela vitória no regresso a Portugal”

A equipa profissional de ciclismo EFAPEL está de volta às estradas nacionais e prepara-se para nova competição de três dias. A 3ª Volta à Bairrada realiza-se entre sábado, dia 23, e segunda-feira, dia 25, e a formação de Ovar quer discutir as vitórias com a concorrência.

Depois do bom resultado da estrutura comandada por Américo Silva na Vuelta a Castilla y León, com o terceiro lugar final de Jóni Brandão, a EFAPEL volta à estrada com a mesma postura de sempre.

“Cada corrida tem um perfil diferente da outra. Esta tem particularidade de apresentar um contra-relógio individual no último dia. Mesmo sem um especialista nesta vertente na equipa, temos sempre o mesmo espírito que é o de lutar pelas vitórias nas competições em que participamos e por isso vamos para a Volta à Bairrada com o intuito de nos batermos pelos triunfos”, afirmou o director desportivo, Américo Silva.

A Volta à Bairrada apresenta três etapas, duas em linha e um contra-relógio individual a fechar. No sábado e no domingo, os ciclistas rolam colectivamente durante mais de 160 quilómetros em cada um dos dias. Na segunda-feira, cada um corre por si num percurso de 9,7 quilómetros.

Para Américo Silva, as características particulares desta corrida por etapas não mudam em nada a abordagem dos corredores da EFAPEL. “Independentemente dos percursos nos serem favoráveis ou não, temos sempre a ambição de vencer”, adiantou.

No sábado, os ciclistas pedalam entre Luso e Mealhada. Na segunda, voltam a partir do Luso mas com destino a Casal Comba. Para terminar, o contra-relógio na segunda-feira realiza-se em Pampilhosa.

Nome da prova

3ª Volta à Bairrada

Data

23 a 25 de Abril de 2016

Director desportivo

Américo Silva

Ciclistas

António Barbio (Contra-relogista)

Álvaro Trueba (Contra-relogista/Trepador)

Daniel Mestre (Contra-relogista)

Filipe Cardoso (Sprinter/Equipier)

Hélder Ferreira (Trepador)

Henrique Casimiro (Trepador)

Nuno Almeida (Trepador)

Rafael Silva (Sprinter

Fonte: Efapel

“14º Encontro de Cicloturismo de Alvalade”

Núcleo Cicloturista de Alvalade/Escolinha da Bicicleta

Lisboa 15 de Maio de 2016

Texto: José Morais

Cartaz: José Morais/N C Alvalade/escolinha da Bicicleta

O Núcleo Cicloturista de Alvalade/Escolinha da Bicicleta leva para a estrada no próximo dia 15 de maio em Lisboa, o seu 14º passeio de cicloturismo, um evento inserido no calendário oficial da Federação Portuguesa de Cicloturismo e Utilizadores de Bicicleta (FPCUB).

Dois em um, é assim constituído este evento, serão realizados dois passeios destintos. O primeiro, para os cicloturistas mais experientes, terá uma extensão de 60 quilómetros, será percorrido pelos locais mais emblemáticos da capital, terá concentração marcada para as 8 horas, e a partida será dada á 9 horas.

O segundo passeio, dedicado aos menos experientes, como crianças e alunos da Escolinha da Bicicleta, terá um percurso de 10 quilómetros percorrido na freguesia, num percurso de fácil dificuldade, estando assim preparado para todos os que tenham pouca preparação, terá concentração pelas 9,30, com saída ás 10,30, ambos os passeios terão concentração, partida e chegada no Complexo Desportivo Municipal de São João de Brito, junto à sede do Núcleo Cicloturista de Alvalade/Escolinha da Bicicleta, na Av. do Brasil, perto da Rotunda do Relógio do Aeroporto.

Para informações e inscrições pode ser utilizado o telefone: 210 987 537 ou o e-mail: nca.alvalade@gmail.com

O passeio é aberto a todos os cicloturistas, e gratuito a todos os sócios da FPCUB com quota atualizada e crianças até aos 12 anos, para os restantes participantes será cobrado um valor de 3 euros, sendo necessário BI.

No final dos dois passeios, haverá demonstração de Aeromodelismo, e lanche de porco do espeto.

Marque já na sua agenda, faça a sua inscrição, neste passeio sem dúvida muito interessante, nós já garantimos a nossa presença, e o evento contará com reportagem completa do Notícias do Pedal.