segunda-feira, 21 de março de 2016

“Lucas Liss vence prólogo da Volta à Normandia”

Foto: JOSE SENA GOULAO

Fábio Silvestre fez o 24.º tempo, gastando mais 18 segundos do que o vencedor do prólogo.
O ciclista alemão Lucas Liss (Rad-Net Rose) venceu hoje o prólogo da Volta à Normandia, França, enquanto Fábio Silvestre (Leopard) foi 24.º entre 143 corredores que alinharam à partida.

Os 6,4 quilómetros do contrarrelógio disputado em Carentan foram percorridos por Liss em 8.07 minutos, menos seis segundos do que o holandês Coen Vermeltfoort e o alemão Jan Brockhoff, segundo e terceiro respetivamente.

Fábio Silvestre fez o 24.º tempo, gastando mais 18 segundos do que o vencedor do prólogo.

Terça-feira realiza-se a primeira de seis etapas, com um percurso de 201 quilómetros entre Mondeville e Forges-les-Eaux, sem grandes dificuldades.
Fonte: SAPO Desporto c/Lusa

“Francês Bouhanni ganha primeira etapa da Volta à Catalunha”

Foto: Lusa

A etapa contou com cinco contagens de montanha, entre as quais uma de primeira categoria.
O francês Nacer Bouhanni (Cofidis) impôs-se hoje no 'sprint' final da primeira etapa da Volta à Catalunha em bicicleta, que começou e terminou em Calella.
O primeiro líder da prova cumpriu os 175,8 quilómetros da tirada em 4:28.51 horas, à frente do inglês Ben Swift, da Sky, e do sul-africano Daryl Impey (Orica), que encabeçavam um pelotão de mais de 120 unidades, entre os quais o português André Cardoso (Cannondale), que foi 58.º.
Depois de lhe ter saltado a corrente no 'sprint' da Milão-San Remo, sábado, Bouahanni esteve hoje mais feliz e conseguiu a sua terceira etapa da época, depois de já ter ganhado na Volta a Andaluzia e no Paris-Nice.
A etapa contou com cinco contagens de montanha, entre as quais uma de primeira categoria (Formic, ao quilómetro 120), que não provocaram grandes clivagens entre grupos.
Os principais chefes-­de-fila das equipas, como Chris Froome (Sky), Alberto Contador (Tinkoff), Nairo Quintana (Movistar) e Richie Porte (BMC), entraram no primeiro pelotão.
Terça-feira, a prova segue de Mataró para Olot, ao longo de 178 quilómetros e com uma contagem de primeira categoria - uma etapa muito idêntica à de hoje e de novo propícia aos terminadores mais velozes.
Fonte: SAPO Desporto c/Lusa

“Sicasal/Constantinos/UDO no Top 30 da "Alentejana"


Por: Inês Antunes

A equipa de ciclismo sub-23 da Academia Joaquim Agostinho colocou um atleta no Top 30 da 34.ª Volta ao Alentejo. Numa prova dominada pela equipa satélite da Etixx-Quick Step, Luís Mendonça destacou-se, tendo conseguido o 10.º lugar na última etapa e o 18.º lugar na primeira tirada. Esta duas classificações, e um esforço nas restantes três etapas, colocou o atleta da Sicasal/Constantinos/UDO na 29.º posição da geral individual.

O vencedor desta edição da "Alentejana" foi o espanhol Enric Mas, da Klein Constantia. O jovem, de apenas 20 anos, ex-ciclista da Fundação Contador, mostrou estar em excelente forma, vencendo não só a geral individual, mas também a geral da juventude e a geral dos pontos. Foi precisamente esta última classificação que lhe deu a vitória, visto que terminou empatado, em tempo, com Krister Hagen, da Coop-OsterHus.

Quanto à equipa torriense, destaque também para o facto de ter colocado um atleta na fuga do dia da quarta etapa desta edição da Volta ao Alentejo. O João Letras é natural de Cuba e quis dar nas vistas no penúltimo dia de prova, que ligou Aljustrel a Grândola, colocando-se numa fuga com mais 14 corredores. Infelizmente, no último dia, e devido à chuva, o João entrou em hipotermia e acabou por abandonar a prova a apenas 10 quilómetros da meta, instalada em Évora.


Na geral por equipas, a Sicasal/Constantinos/UDO colocou-se no 18.º lugar, num total de 22 equipas. A Volta ao Alentejo reuniu um verdadeiro pelotão de luxo, com todas as equipas profissionais portuguesas a levarem os seus melhores corredores para a estrada. Destaque para Amaro Antunes, da LA Alumínios, que venceu a camisola da montanha e ainda para Rafael Silva, da Efapel, que foi o português melhor classificado, em 5.º lugar da geral individual.

Os atletas da equipa da Academia Joaquim Agostinho ficaram classificados na geral individual da seguinte forma:

29.º Luís Mendonça

101.º Emanuel Duarte

109.º Gonçalo Leaça

113.º Tiago Antunes

134.º Rafael Apolinário

135.º Marvin Scheulen

A próxima prova da Sicasal/Constantinos/UDO é a Volta às Terras de Sta. Maria da Feira e realiza-se de 8 a 10 de abril. Já a equipa de juniores e a equipa feminina da Academia Joaquim Agostinho vão estar de 24 a 26 de março na XXII Volta ao Concelho de Loulé.

Fonte: Academia Joaquim Agostinho

“Rafael Silva é o melhor português na Volta ao Alentejo”

Corredor da EFAPEL termina na quinta posição

A equipa profissional de ciclismo concluiu a 34ª edição da Volta ao Alentejo com Rafael Silva no top-5 da classificação geral individual e o estatuto de melhor português na prova. Ao longo de cinco dias de competição muito disputada, com destaque para o pelotão de enorme qualidade, o atleta da formação ovarense pontuou de forma positiva o trabalho que, em conjunto com todos os seus companheiros de equipa, foi desenvolvido.

A última etapa entre Santiago do Cacém e Évora ficou marcada pela chuva. Ao longo de 172,3 km, o pelotão discutiu todas as metas volante como se de uma chegada se tratassem pois as bonificações podiam ditar uma boa classificação final. A equipa batalhou e conseguiu garantir a posição de Rafael Silva.

“Quando entramos em competição, fazemo-lo sempre com o intuito de lutar pelo triunfo. Mas sabíamos que nesta edição da Volta ao Alentejo havia algumas condicionantes e, depois de termos definido uma estratégia dia-após-dia, o quinto lugar do Rafael Silva e o estatuto de melhor português permite-nos fazer um balanço positivo da nossa participação”, afirmou o director desportivo da EFAPEL, Américo Silva.

A equipa faz uma pausa de três semanas na competição. O calendário indica que a próxima prova da EFAPEL é no próximo mês e no estrangeiro. A equipa compete na Vuelta a Castilla y Leon entre os dias 15 e 17.

Classificação da quinta etapa na Volta ao Alentejo

    Remi Cavagna        KLC-Klein Constantia            3h56m51s

    Maximilian Schachman    Louletano/Hospital de Loulé        a 2s

    Samuel Caldeira        W52/FC Porto                a 3s


20º    Rafael Silva            EFAPEL                mt

46º    Álvaro Trueba        EFAPEL                mt

63º    Henrique Casimiro        EFAPEL                mt

74º    Jóni Brandão            EFAPEL                a 4m15s

75º    António Barbio        EFAPEL                mt

106º    Nuno Almeida        EFAPEL                a 4m59s

120º    Hélder Ferreira        EFAPEL                a 5m41s

137º    Filipe Cardoso        EFAPEL                a 11m56s

Classificação geral individual após a quinta etapa na Volta ao Alentejo

    Enric Mas            KLC - Klein Constantia        21h54m49s

    Krister Hagen            Team Coop/Oster Hus        mt

    David de La Fuente        Sporting/Tavira            a 9s


    Rafael Silva            EFAPEL                a 15s

27º    Henrique Casimiro        EFAPEL                a 2m43s

37º    Álvaro Trueba        EFAPEL                a 4m28s

81º    Jóni Brandão            EFAPEL                a 25m21s

88º    Filipe Cardoso        EFAPEL                a 27m55s

92º    Nuno Almeida        EFAPEL                a 30m21s

123º    António Barbio        EFAPEL                a 44m07s

125º    Hélder Ferreira        EFAPEL                a 46m00s

Fonte: Efapel

“TRIATLO de ALTURA (Castro Marim)”

1ª etapa da Taça de Portugal e Camp.Nacional de Estafetas Mistas

Realizou-se em Altura (Castro Marim) no passado sábado, duas provas de apuramento para representar as SELEÇÕES NACIONAIS de Triatlo. A etapa inaugural da Taça de Portugal de Triatlo foi a 2ªprova do apuramento para a Taça da Europa que se realiza na Quarteira nos próximos dias 2 e 3 de Abril, e para o Campeonato de Europa de Triatlo que se realiza em Lisboa no final do mês de Maio, e a Prova Aberta, foi a 1ªprova de apuramento para o Campeonato da Europa de Youth (juvenis de 2ºano e cadetes).

José Pedro Vieira venceu a Prova Aberta, e deu um passo muito importante no apuramento para o Campeonato da Europa de Youth, enquanto Miguel Moreira foi 11ºclassificado nesta prova.

Na prova da Taça de Portugal, os atletas torrejanos também estiveram em bom plano, Ricardo Batista foi 3ºclassificado em cadetes, enquanto em femininos, Carolina Serra subiu ao pódio no 2ºlugar, com Joana Miranda e Mariana Correia a concluírem a prova nas 4ª e 5ªposições, e a fecharem a classificação da equipa feminina com um excelente 4ºlugar para a Escola de Triatlo do Clube de Natação de Torres Novas.

Em juniores, André Cruz foi 21ºclassificado e Rafael Marques 30º, enquanto em séniores André Sousa chegou na 76ª posição.

Marco Sousa repetiu a proeza do fim-de-semana anterior e venceu a prova na sua categoria de Veteranos I, enquanto Pedro Antunes foi 16ºclassificado e Pedro Razões Silva chegou na 26ªposição.

Em veteranos II, Ricardo do Canto depois uma queda no segmento de ciclismo, conseguiu a concluir a sua prova, mas foi desclassificado.

Colectivamente, a equipa masculina do Clube de Natação de Torres Novas foi 11ªclassificada entre 31 equipas participantes nesta 1ªetapa da Taça de Portugal de Triatlo.

No domingo de manhã, disputou-se a prova única do CAMPEONATO NACIONAL DE TRIATLO DE CLUBES EM ESTAFETAS MISTAS, com a presença de atletas nos escalões acima de Juvenis. Esta prova foi vencida pelo Rio Maior Triatlo, seguindo-se a formação do Sporting Clube de Portugal, o Clube Olímpico de Oeiras no 3ºlugar, o Alhandra Sport Clube no 4º, e o Clube de Natação de Torres Novas alcançou um excelente 5ºlugar com uma equipa constituída pelos atletas Joana Miranda (cadete), Ricardo Batista (cadete), Carolina Serra (cadete) e José Pedro Vieira (juvenil).

Um excelente resultado obtido por uma equipa torrejana muito jovem, comparativamente com as restantes equipas participantes nesta prova, a demonstrarem o excelente trabalho de TODOS os atletas da Escola de Triatlo do Clube de Natação de Torres Novas e do seu treinador PAULO ANTUNES.

Fonte: Escola de Triatlo do Clube de Natação de Torres Novas

“Catalunha tem pelotão de luxo”

Foto: Filipe Farinha

André Cardoso (Cannondale) é o único português na Volta à Catalunha, que arranca hoje com um pelotão de luxo. O britânico Chris Froome (Sky) faz em Espanha a sua segunda corrida do ano, juntando-se aos espanhóis Joaquin Rodriguez (Katusha) e Alberto Contador (Tinkoff). Há ainda o italiano Fabio Aru (Astana) e o australiano Richie Porte (BMC).

Fonte: Record on-line